segunda-feira, 24 de novembro de 2014

102 – Iracema, uma transa amazônica (idem) – Brasil (1975)


Direção: Jorge Bodanzky; Orlando Senna
Em 1974, em plena ditadura, quando o governo militar alardeava a propaganda da construção do “Brasil Grande”, Jorge Bodanzky, Orlando Senna e Wolf Gauer filmam Iracema — uma transa amazônica, ficção com uma feição documental que se tornou marco na cinematografia brasileira. O filme faz um contraponto à propaganda oficial da época sobre a Amazônia, revelando as queimadas, o trabalho escravo e a prostituição infantil através da história da menina ribeirinha Iracema, que, atraída pela cidade grande e pela lábia do motorista de caminhão Tião Brasil Grande, acaba se prostituindo às margens da rodovia Transamazônica. Proibido durante seis anos no Brasil, recebeu inúmeros prêmios em festivais internacionais. Em 1981, foi o grande vencedor do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro.


De volta ao Pará, ao Ver-o-Peso e à Transamazônica. Uma viagem pelas estradas paraenses e pelo tempo. O tempo do “Brasil grande”. Das promessas. Do progresso. Do “ame-o ou deixe-o”. Das Iracemas, jovens, prostituídas, sem futuro. Do desmatamento de florestas e de sonhos. E de uma estrada, que seria o alicerce de um novo tempo no norte do país.

A Transamazônica continua ruim. Alguns dizem que é proposital, pois uma estrada boa significaria mais desmatamento. Mas o desmatamento também continua. O progresso chegou para poucos. As promessas continuam. E ainda existem algumas Iracemas, aqui e acolá.

A obra de Jorge Bodanzky e Orlando Senna é um presente para o cinema nacional, para a Amazônia e para a história do país. 



Download:
Torrent

domingo, 23 de novembro de 2014

101 – Violeta foi para o céu (Violeta se fue a los cielos) – Chile (2011)


Direção: Andrés Wood
Intratável, terna, boêmia, áspera, contundente, frágil e indomável. Violeta Parra foi uma das artistas mais emblemáticas do Chile - e ainda assim, profundamente ignorada por décadas de uma cultura controlada pela ditadura de Pinochet.
Andrés Wood, diretor de Machuca, realiza um trabalho primoroso ao trazer para as telas, a partir do livro escrito pelo filho de Violeta, Ángel Parra, a vida, a obra, a memória, os amores e as esperanças dessa cantora, compositora, poeta e pintora que é um dos maiores ícones da arte popular latino-americana.


Bom viajar novamente ao Chile, através de Violeta Parra. Uma história de vida cinematográfica, de uma artista que é um eterno conflito.

Muito boa a representação de Andrés Wood, que não se prendeu à “obrigação” de ter que fazer de uma biografia o retrato virtuoso da representada. Muito pelo contrário, não teve medo de expor as contradições e o lado indigesto de Violeta. Ótimo filme.


Download:
Torrent + Legenda

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

100 – Um terno de casamento (Lebassi Baraye Arossi) – Irã (1973)


Direção: Abbas Kiarostami
Uma mulher encomenda um terno de um alfaiate para que seu jovem filho possa ir ao casamento da irmã. O aprendiz do alfaiate, junto com dois outros meninos que trabalham no mesmo edifício, bolam um plano para usar o terno durante uma noite e entregá-lo na manhã seguinte sem que ninguém os descubra.


Um filme simples, um pequeno recorte da infância e seus deslizes.

O primeiro longa de Abbas Kiarostami. E o primeiro filme, do diretor, que eu assisto.


Download:
Torrent + Legenda

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

99 – Cairo 678 (678) – Egito (2010)


Direção: Luciano Moura
O filme é baseado em três tramas paralelas de três histórias reais de três mulheres egípcias. Ela aborda sobre uma questão muito sensível no Egito e expõe as implicações e as circunstâncias de assédio sexual na vida dos personagens principais. O filme pinta um retrato sem concessões da sociedade egípcia a partir dos pontos de vista de três mulheres de diferentes classes sociais unidos por sua decisão de não mais permanecer em silêncio as vítimas de assédio sexual.


Assisti esse filme egípcio, ao lado de minha mãe egípcia.

Em alguns momentos me senti constrangido por ser homem. Em outros, me senti orgulhoso por não ser um homem igual aos que apareciam na tela.

Um filme para homem ver. Um filme para mulher ver.


Todas as minhas honras para as mulheres e homens feministas do Egito.



Download:
Torrent + Legenda

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

98 – A busca (idem) – Brasil (2013)


Direção: Luciano Moura
Theo Gadelha (Wagner Moura) é um médico, casado com a também médica Branca (Mariana Lima), pai do adolescente Pedro (Brás Antunes) e filho de um pai ausente (Lima Duarte). Sua mulher pede a separação, seu filho rejeita sua orientação e a casa que construiu para a família vai ser posta à venda. Aos poucos, Theo constata que seu mundo está desabando. Mas nada se compara ao que está por vir: no fim de semana em que completaria 15 anos, seu filho Pedro some de casa. Theo pega a estrada em busca do filho. A viagem Brasil adentro vira um caminho de auto-conhecimento, um percurso para transformações e descobertas.


A boa e velha “jornada do herói”. A espinha dorsal do roteiro é a básica, que pode ser feita por qualquer iniciante: a apresentação dos personagens; o ponto de virada, com algum grande conflito; a busca, ou os desafios enfrentados pelo protagonista durante sua jornada; a transformação física e psicológica do herói.

Uma câmera na mão e um Wagner Moura na estrada.

Simples, básico. Mas é incrível a magia do cinema, que da simplicidade consegue produzir obras envolventes. Que mesmo clichê, é capaz de surpreender.


A busca é extremamente agradável de se ver.


Download:

terça-feira, 18 de novembro de 2014

97 – O retorno (Vozvrashchenie) – Rússia (2003)

Direção: Andrei Zvyagintsev
Na Rússia contemporânea, Andrei (Vladimir Garin) e Ivan (Ivan Dobromravov) levam uma vida normal, como a de outros garotos de sua idade, e são felizes a seu modo. O mundo deles muda após a inesperada chegada do pai (Konstantin Lavronenko), que está afastado de casa há 12 anos. Tentando romper a barreira de relacionamento que os separa, o pai decide levar os dois filhos em uma viagem de carro de 3 dias. A mãe (Natalya Vdovina) aceita a idéia a contragosto e os três partem sem destino definido. No decorrer da viagem os garotos envolvem-se de maneira distintas com o pai, envolvidos com a alegria de reencontrá-lo e a estranheza de mal conhecê-lo.


A história de uma pai fazendo seus filhos tornarem-se adultos. E as dores que envolvem todo e qualquer crescimento, toda e qualquer relação.

Uma bela e fria fotografia.

Atores mirins de muito talento.

E uma narrativa amarrada por diversas situações de extrema sutileza.

Enfim, um filme bem interessante.


Download:

domingo, 16 de novembro de 2014

96 – Cinco câmeras quebradas (Five Broken Cameras) – Palestina (2013)


Direção: Emad Burnat; Guy Davidi
Em 2005, uma pequena cidade na Cisjordânia foi dividida por um muro, construído pelo governo israelense. Com o argumento oficial de proteger um povoado das redondezas, eles prepararam o terreno para a tomada de posse de 150 mil judeus israelenses. Mas o agricultor Emad, morador da região, decidiu armar-se de uma câmera e de formas pacíficas de protesto para tentar conservar suas terras.



Um pequeno povoado lutando para viver, enquanto a Palestina luta pra sobreviver.


Download:
Torrent + Legenda

sábado, 15 de novembro de 2014

95 – Brazil (Brazil) – Inglaterra (1985)


Direção: Terry Gilliam
Sam Lowry (Jonathan Pryce) vive num Estado totalitário, controlado pelos computadores e pela burocracia. Neste Estado, que lida com o terrorismo, todos são governados por fichas e cartões de crédito e ainda precisam pagar por tudo, até mesmo a permanência na prisão. Neste mundo opressivo Sam acaba se apaixonando por Jill (Kim Greist), uma terrorista.



Literalmente fantástico. Clássico no melhor estilo de Terry Gilliam. Futurista, psicodélico e incrivelmente coerente!


Download:
Torrent + Legenda

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

94 – Temporada de rinocerontes (False kargadan) – Iraque/Irã (2012)


Direção: Bahman Ghobadi
O poeta curdo-iraniano Sahel acaba de receber uma sentença de 30 anos de prisão no Irã. Agora a única coisa que vai mantê-lo com vontade de continuar vivendo é o pensamento de reencontrar sua esposa que pensa que ele está morto há mais de 20 anos.



Um filme sobre um poeta, seu amor do passado e as dores do presente. Ao mesmo que a obra carrega uma denúncia política, a faz de forma... poética. O lirismo da narrativa fortalece a subjetividade – como assim são as poesias. Em certos momentos, entender é o de menos. Sentir é o de mais. E o primor da fotografia, ainda que às vezes “gratuita”, deslocada da história, enche a tela de beleza.


Download:
Torrent + Legenda

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

93 – Minha viagem à Itália (Il mio viaggio in Italia) – Itália (1999)


Direção: Martin Scorsese
Depois de uma extraordinária lição sobre cinema americano, Martin Scorsese leva-nos numa nova viagem, desta vez pela história do cinema italiano, do pós II Guerra até à década de 60.



Uma aula de neo-realismo italiano, dada por Scorsese. Precisa de mais alguma coisa?


Download:
Torrent + Legenda